Feeds:
Posts
Comentários

Archive for agosto \31\UTC 2008

O jovem Guilherme, nas ruas de Occam, sua cidade-natal, posando para uma foto com a sua poderosa navalha.

O jovem Guilherme, nas ruas de Occam, posando para uma foto com a sua poderosa navalha.

Read Full Post »

…LINKS!

Como é um sábado, vou começar com álcool:

Para iniciar os trabalhos, a Isis nos alerta do teor calórico das nossas beveragens => Bebida alcoólica engorda. E como!;

Felizmente, o Felipe nos confirma que não existe gente feia, você é que não bebeu o suficiente => As pessoas realmente ficam mais bonitas quando você bebe;

E, para os que exagerarão na busca do par ideal, uma receita minha para amanhã de manhã => A melhor cura para ressaca é beber mais…

Álcool é o fruto de frutas e outros vegetais fermentados.
Formigas também usam fermentação em seu dia-a-dia, para conservar a comida.

E, por falar nesses artrópodes, há muito o que falar deles. Por exemplo:

O Atila nos introduz ao fabuloso mundo das Cardiocondyla obscurior, onde estranhamente os machos têm poder sobre as fêmeas => Mais a ganhar do que sexo;

Eu usei os bichinhos para finalmente entender co-evolução => Meu nome é Rmiga. Fo Rmiga.;

E, alternativamente, Tine (minha estaticista favorita) mostra que esses insetos podem nos ajudar a economizar tempo e dinheiro => Formigas… tá na hora de você aprender com elas!!!;

Porém, não podemos acreditar em tudo o que vemos. Pessoas mentem!

Carlos mostrou isso enquanto comprava flores => O golpe da flor-de-lótus;

Renan dá uma navalhada num mito recente sobre o tamanho aparente do planeta vermelho => De quando Marte não ficou e não ficará do tamanho da Lua Cheia;

Este neguinho aqui se aventurou pela astrologia e adivinhação para ver até onde chegaria => Astros;

E, voltando ao início, mais álcool com o Fafá, que mistura Tequila com ceticismo => Tequila contra câncer. Um brinde ao sensacionalismo!

Finalmente, para relaxar o resto do sábado, quadrinhos!

Do xkcd, algo que acontece comigo quase sempre:
sonho

Pelo Savage Chickens, a nossa navalha amiga:
navalha

Vindo do Abstruse Goose, para os nerds entre nós (traduzido por mim):

Bom fim-de-semana!

Read Full Post »

…chusetts Institute of Technology.

Engenheiros de lá criaram uma pilha usando a ajuda de VÍRUS no processo.

Querem saber mais?

Vão ao meu lablogatório e se informem por lá.

Read Full Post »

Estava agora mesmo lendo alguns dos milhares de blogues que tento ler diariamente e outros que só leio vez por outra e uns que só leio uma vez, clicando num link de um comentário ou etiqueta aleatória e conclui, sem pensar muito, que é muito fácil ser lido.

Um garota, que pelo conteúdo de sua página deve ter uns quinze anos, mantém um blogue dedicado ao cuidado com a pele, especialmente do rosto. Cheguei lá por um comentário que ela deixou em um artigo meu, meses atrás.
Não vejo coisa alguma errada em querer ter o rosto limpo de espinhas. É bom para a auto-estima não pensar que tem sempre alguém reparando nas cicatrizes do rosto. Meu problema com isso, bem pequeno mas um problema de fato, é o teor dos textos dela e dos comentários de suas leitoras.
Do meu ponto de vista, ela não só busca a cútis ideal, ela glorifica os remédios, loções e pomadas que usa e, inconscientemente ou não, acaba os “receitando” e recebendo retorno, através de comentários, em forma de mais remédios recomendados.
Ela tem uma dermatologista, o que é bom, pois aparenta não se deslumbrar com todos os cremes e usar só os específicos para seu caso, mas é muito fácil ser lido e é muito fácil ser mal interpretado. Posso estar fazendo isso agora, com a pobre menina, mas é um risco que eu e ela corremos todos os dias. Nossas palavras estão no ar, vinte e quatro horas por dia e, dentro de um futuro imediatamente previsível, para sempre.

Grandes poderes trazem grandes responsabilidades, já avisou tio Ben.

É muito fácil ser lido, que o digam as duzentas e setenta vezes em que meu blogue foi acessado anteontem, por pessoas buscando por experiencia limao vinagre acender lampada, soldador feminino para santos, coloco fotos namorada nua internet, parasitos, vírus que dão em umidade, demoñstração da constante de avogadro, simbolos usados no msn Ô.Ô, clicando em qualquer uma das setecentas e vinte e sete etiquetas associadas à minha página (18 anos, vazamento, xisxis, trem gravitacional, esporadicidade, etc) ou na minha assinatura em centenas de comentários espalhados por blogues do mundo todo.
É muito fácil ser lido.

E se eu estivesse falando de métodos de suicídio?

Minha audiência não é de milhares ou milhões, mas é de centenas. Antes disto aqui, poucas pessoas haviam ouvido as minhas idéias e opiniões.
E o que eu dizia era, ou não, absorvido só na hora e se perdia no vento. Agora é pro resto da vida da Internet.
O que eu digo, o que a menina da cara limpa diz e o que apologistas do suicídio dizem.
Somos todos responsáveis pelo que dizemos e pelo que lemos, e agora, mais ainda.

Facilidade de acesso a informação tem preço. Não é tão caro, mas temos que saber barganhar.

“Não acreditem em mim. Eu minto tanto quanto vocês…”
-I.S.-

P.S. Visitem o Lablogatórios. Lá tem gente responsável e que escreve bem.

Read Full Post »

ex preguiça

Eu parei de me espreguiçar quando tinha doze anos, eu acho.
Minha gata e meus cachorros sempre se espreguiçam quando se levantam.
Algum biólogo, psicólogo, fisiólogo, fisioterapeuta, publicitário, dormidor profissional ou fabricante de redes por aí pode me explicar por quê fazemos isso?
E por quê eu não sinto mais vontade de fazer?
Quero escrever sobre isso mas quero que me levem pela mão até as respostas…

Read Full Post »

Anteontem (notícia velha já, mas eu ainda sou do tempo em que as novas chegavam por missivas) eu vi na TV (pessoas presas dentro de uma caixa!) que uma árvore em algum lugar do Rio de Janeiro (o estado, pois todas as fontes utilizam RJ) estava jorrando água.

Primeiro, fazem o pantim sensacionalista, mostrando pessoas rezando, se benzendo e até bebendo a água que escorria da planta.
Entrevistaram uma senhora que achava que aquilo era uma mensagem divina para prestarmos mais atenção na violência (consigo pensar em sinais muito mais claros, mas também eu não gosto de subjetividade).

Depois da implantação do pensamento fantástico, resolveram chamar a companhia de águas da cidade (não há dúvidas, para mim, de que foi a equipe de jornalismo que chamou os encanadores, pois, ou seria muita coincidência ambas as trupes terem se encontrado, ou é esperar demais dos repórteres que ficassem lá plantados indefinidamente), jamais esquecendo de registrar a reação do grupo quanto ao fenômeno.
Como bons trabalhadores que são, os encarregados das pás começaram a cavar e descobriram que (surpresa!) a raiz da árvore tinha estourado um cano e a pressão da água fez caminho por dentro dela através (agora eu estou chutando, mas é um chute pro lado certo) das vias de seiva (eu acho que tem um nome para elas, mas eu não lembro, só consigo pensar em “seiva bruta”).

Depois de vedado o cano e remendado o pé-de-pau, mostraram novamente a senhora que já tinha a planta como sagrada (seria ela hindu?) que parecia meio transtornada e sofrendo de um caso instantâneo de dissonância cognitiva.

Vivemos em tempos tão desesperadores assim onde uma árvore, que claramente furou um cano, vira templo de orações?
Nossa querida Mídia também não ajuda muito dando corda ao desespero por 85% do tempo da reportagem.

Que mundinho, hein?

Imagino eu o escarcéu que seria causado caso vissem uma árvore explodir! Porque elas podem sim estourar se forem superaquecidas (ebulição rápida da seiva), em caso de incêndio ou queda de raio!

montagem meramente ilustrativa

montagem meramente ilustrativa

Read Full Post »

O título é só para chamar atenção, mas não é bem assim.
A manchete mesmo é Restos de lipoaspiração tratam distrofia muscular de camundongo e o artigo foi escrito pelo xará e colega lablogueiro Igor Zolnerkevic para a Folha de São Paulo (meu ego só tende a crescer quando eu me misturo com essa estirpe, cuidado!) e é 100% recomendado (Selo Gold de Garantia Igor).

Vão lá nele e também lá em nós que vale a pena. Muita coisa boa, para todos os gostos.

Read Full Post »

Older Posts »

%d blogueiros gostam disto: